Israelenses apreenderam material nuclear no ataque à Síria

Por Sarah Baxter:

Tropas de elite israelenses apreenderam material nuclear de origem norte coreana durante ataque audacioso contra uma base militar secreta na Síria antes de Israel bombardeá-la este mês.

O ataque foi lançado com aprovação Americana em 6 de setembro, após Washington receber evidências de que o material era nuclear, dizem as bem posicionadas fontes.

Elas confirmaram que amostras tiradas da Síria para testes foram identificadas com norte coreanas. Isso gerou medo de que a Síria possa ter se unida à Coréia do Norte e ao Irã na busca por adquirir armas nucleares.

As Forças Especiais Israelenses têm reunido evidências por vários meses na Síria, de acordo com fontes israelenses. Eles localizaram o material nuclear em um complexo perto de Dayr az-Zwar, no norte.

Dizem que evidências de que pessoal norte coreano estava no local foram compartilhadas com o Presidente George W. Bush durante o verão. Uma fonte superior Americana disse que a administração procurou provas de atividades ligadas a materiais nucleares antes de dar ao ataque sua benção.

Diplomatas na Coréia do Norte e China acreditam que um número de norte coreanos foram mortos no ataque, baseados em relatórios que chegaram aos governos asiáticos sobre conversas entre oficiais chineses e norte coreanos.

Oficiais sírios voaram para Pyongyang, a capital norte coreana, na semana passada, reforçando o ponto de vista de que as duas nações estavam coordenando sua resposta.