Profecias do Anticristo - Parte Seis

Patrick Heron

01 de Dezembro de 2007
RaidersNewsNetwork.com

"E O QUINTO anjo tocou a sua trombeta, e vi uma estrela que do céu caiu na terra..." Apo 9:1

As estrelas que vemos tremulando no céu noturno não caem do Céu sobre a terra. O Céu é um lugar em especial e a habitação do Deus Altíssimo, e de Seu Filho, e dos 24 Anciãos e de miríades de homens-espíritos que chamamos de anjos. É provável que esse reino chamado de Céu esteja fora do nosso sistema solar. Isto é, estamos em um tipo de bolha do tempo. O universo que habitamos é governado pelo tempo. Mas Deus não é. Portanto, eu acredito que o Céu, e Deus, e a hoste celestial que lá habita estão fora do universo bolha de tempo do qual a terra é uma parte juntamente com bilões de estrelas e planetas e outras galáxias que forma o nosso cosmos. Então, quando fala de uma estrela caindo do Céu na terra, está se referindo a um anjo caindo na terra. Quando você vê o que chamamos de estrela cadente, atravessando o céu noturno, não na verdade uma estrela, mas um pequeno corpo de matéria conhecido como meteoro do espaço sideral que se torna incandescente como resultado da fricção com a atmosfera da terra.

Os anjos são freqüentemente referidos nas Escrituras como estrelas e também como hoste celestial.

"Onde estavas tu, quando eu fundava a terra? Faze-mo saber, se tens inteligência.

Quem lhe pôs as medidas, se é que o sabes?

Ou quem estendeu sobre ela o cordel?

Sobre que estão fundadas as suas bases, ou quem assentou a sua pedra de esquina,

Quando as estrelas da alva juntas alegremente cantavam, e todos os filhos de Deus jubilavam?" Jó 38:4-7

Os filhos de Deus são os anjos e são aqui chamados de estrelas da alva. Isaías 14:12, falando de outro anjo diz: "Como caíste desde o céu, ó estrela da manhã, filha da alva!"

Muitos comentaristas acreditam que isto se refira a Lúcifer e sua queda da graça. É por isso que ele é chamado de anjo caído, mas aqui ele é chamado de estrela da manhã. A propósito, Vênus é a estrela d'alva e a mais brilhantes das estrelas, e ainda pode ser visto cedo de manhã, quando todas as outras estrelas desapareceram por causa da luz do sol nascente.

Assim, quando lemos que João viu "uma estrela que do céu caiu na terra", o que ele viu foi um anjo, que conhecemos como homem (espírito), cair da habitação celestial para a terra. Quer esse anjo caído seja bom ou mal é puramente acadêmico. Talvez possamos desvendar isso mais tarde. Ainda assim, ele tem as chaves do abismo também conhecido como Tátaro.

E quando ele abre o abismo, "subiu fumaça do poço, como a fumaça de uma grande fornalha, e com a fumaça do poço escureceu-se o sol e o ar." Veremos que ao abrir o abismo, os habitantes que haviam sido encarcerados lá são liberados sobre a terra novamente. Eis aqui um pensamento. Em 1478 um vulcão chamado Krakatoa explodiu na Indonésia. A fumaça que subiu dele era tão espessa que ocultou totalmente o sol por vários dias.

Se formos tomar literalmente esses primeiros versos de Apocalipse 9, e não vejo razões no momento para fazer diferente, então pode ser que se trate de uma erupção similar ao do Krakatoa e que a terra ficará envolta em trevas pela fumaça do abismo. Como veremos, os espíritos, ou anjos, que estão presos no Tártaro são agora liberados. Então pode ser seguro deduzir que sua aparição das escuras cavernas da terra seja precedida pelo fato de a terra ser envolta em trevas pela fumaça negra do abismo.

"E da fumaça vieram gafanhotos sobre a terra; e foi-lhes dado poder, como o poder que têm os escorpiões da terra." Apo 9:3

Apesar de muitos estudiosos deste livro crerem que gafanhotos e escorpiões sejam literais, eu creio que são figurativos. Pois n´s já vimos que Jesus foi e pregou aos espíritos mantidos nessa prisão. Concluímos que esses espíritos são seres angélicos que são homens. Notamos que Satanás é também chamado de serpente e de dragão e esses nomes são figuras de linguagem e, assim, a besta do abismo também é figurativo. Da mesma forma, o termo "gafanhotos" é uma figura de linguagem relacionada com os seres angélicos que sairão do abismo.

Para provar este ponto, usamos uma ferramenta interpretativa da Bíblia que é examinar onde palavras ou frases similares foram utilizadas anteriormente. Muito freqüentemente o significado de uma palavra ou frase está definido em sua utilização anterior. Em Lucas capítulo 10, temos o registro de Jesus enviando 70 de seus discípulos para pregar e curar. No verso 3 Ele diz: "eis que vos mando como cordeiros ao meio de lobos." Aqui temos mais nomes de animais descrevendo pessoas: cordeiros e lobos.

E quando os discípulos retornaram cheios de alegria, eles proclamaram:

"Senhor, pelo teu nome, até os demônios se nos sujeitam.

E disse-lhes: "Eu via Satanás, como raio, cair do céu.""

Veja o contexto desses poucos próximos versos. Eles mencionam demônios e Ele diz que viu Satanás cair do céu como um relâmpago. Eis aqui outra menção de anjos caídos. Creio que esta seja uma declaração profética, pois esta passagem ainda está no futuro e ainda tem que ser cumprida. Mas trataremos disso depois. Ouça o próximo verso:

"Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum.

Mas, não vos alegreis porque SE VOS SUJEITEM OS ESPÍRITOS..."

Espere, espere, espere! Volte um minuto. Leia esses versos outra vez. Os discípulos mencionam que até mesmo os demônios se sujeitaram a eles. Então Jesus fala de Satanás caindo do céu e lhes diz têm poder para pisar em escorpiões e serpentes, e sobre todo o poder do inimigo. Bom, quem é o nosso inimigo? Quem são as serpentes e escorpiões? Ele os defina na frase seguinte:

"... não vos alegreis porque se vos sujeitem os ESPÍRITOS..."

Então as serpentes e escorpiões são espíritos que são nossos inimigos, segundo Jesus. E espíritos são anjos que são homens, mas de natureza espiritual. Então aqui mesmo nestes versos nos é dito que todos esses nomes - serpentes, escorpiões, cordeiros e lobos - são figuras de linguagem para homens. Os discípulos são os cordeiros enquanto os lobos são seus inimigos que também são chamados de serpentes e escorpiões. É sobre esses espíritos que os discípulos têm poder através do nome de Jesus.

E, é claro, a serpente que é o dragão, é Satanás, o Diabo, duas vezes chamado assim no Livro do Apocalipse.

E foi a serpente quem enganou (seduziu) Eva no jardim e causou o que se tornou conhecido como a queda do homem. Não uma cobra. Nem um homem com aparência de serpente ou reptiliana. Pois alguns concluem que esses anjos do mal tenha aparência de serpentes ou de lagartos. Se você seguir essa lógica, então talvez eles possam se parecer com dragões também.

Não. Serpente e dragão são figuras de linguagem para Satanás que também é o Diabo. E ele não se parece mais com uma serpente ou lagarto do que Jesus se parece com um cordeiro ou um leão. Esses nomes de animais são dados como figuras e também descrevem a personalidades daqueles a quem dizem respeito. Assim, temos leão e cordeiro se referindo a Jesus. A serpente ou dragão que é Satanás. A besta do abismo que é o Anticristo. Cordeiros entre lobos falando dos discípulos entre os demônios. E escorpiões e gafanhotos referindo-se aos espíritos. Os gafanhotos são os homens espírito que sairão do abismo e lhes será dado poder assim como aos escorpiões (espíritos) atualmente têm poder sobre esta terra (Apo 9:3).

Então, esses gafanhotos e escorpiões são como serpentes e são homens: homens espírito ou anjos que são maus e que se manifestarão sobre a terra novamente como eram antes do Dilúvio de Noé. Que esses gafanhotos e escorpiões sejam seres espirituais é provável em outro verso mais adiante no mesmo capítulo e eu tratarei dele no próximo segmento. Mas por que chamar esses espíritos de gafanhotos e escorpiões? Bom, pense sobre isto. Quais são as características dos gafanhotos? Para começar, gafanhotos destroem tudo em seu caminho. Quando descem e atacam uma área, tudo é destruído. Então eles se movem para o próximo pedaço. O ferrão de um escorpião normalmente significa morte instantânea.