O Anticristo e o Sr. Obama

Desde a eleição têm-me pedido várias vezes para comentar sobre a possibilidade de o Sr. Obama ser o Anticristo. Deixe-me começar dizendo que tendo sido eleito Presidente ele agora é o Sr. Obama, não somente Obama. Quanto a ser ele o Anticristo, eu tenho desencorajado esse pensamento porque não creio que seja tempo para o Anticristo ser revelado ainda. Mas afora isso, não há razão Bíblica que eu possa encontrar que absolutamente o desqualificariam. E baseado nas coisas que sabemos sobre o Anticristo existe uma coincidência em vários lugares importantes. O Anticristo terá que aparecer em cena rápida e poderosamente para realizar tanto no tempo tão reduzido de que dispõe, então talvez precise de um começo. Se este for o caso, talvez o Sr. Obama esteja a caminho de se tornar o Anticristo. Vamos descobrir.

Sabemos que o Anticristo será descendente do povo que formou o Império Romano nos tempos Bíblicos (Daniel 9:26), e que aparecerá no palco do mundo como um pacificador (Daniel 8:25). Ele não será parte da elite poderosa do mundo no começo de sua carreira (Daniel 7:8), mas se erguerá entre eles para eventualmente superá-los e se tornar o líder de todo o mundo (Apo. 13:7-8).

E pelo seu entendimento também fará prosperar o engano na sua mão; e no seu coração se engrandecerá, e destruirá a muitos que vivem em segurança; e se levantará contra o Príncipe dos príncipes, mas sem mão será quebrado. (Daniel 8:25)

Isto significa que ele baseará seu sucesso em uma mentira, representando falsamente a si mesmo e suas intensões, mas o povo quererá tanto crer nele que desconsiderarão suas inconsistências até que seja tarde demais para pará-lo. Inicialmente ele parecerá bem-sucedido, mas exatamente quando eles estiverem dizendo "Paz e segurança", a destruição virá repentinamente sobre eles, como as dores de parto a uma grávida, e eles não escaparão (1 Tes. 5:3).

Deja Vu Outra Vez?
Alguns se recordarão de quando Jimmy Carter foi eleito Presidente dos Estados Unidos. O país estava farto de Washington e mesmo que ele não tivesse nenhuyma experiência de liderança nacional, nós o elegemos porque ele era um forasteiro que prometeu mudança. Ele disse que nunca mentiria para nós, mas depois das eleições descobrimos que mentira. Ele representou falsamente seus antecedentes e não teve a habilidade necessária quando se tratou de governar. Ele disse ser Cristão e até orquestrou um acordo de terras por paz entre Israel e o Egito, mas provou ser anti-Israel. Logo tivemos uma crise financeira com juros a 20%, uma crise de energia com nosso primeiro racionamento de gás, e uma administração que não soube como trabalhar com o Congresso para consertar as coisas. Os Iranianos capturaram nossa embaixada e fizeram reféns nossos cidadãos. Felizmente ele durou somente um mandato.

O Sr. Obama poderia facilmente ser apenas outro Jimmy Carter, e se for assim os EUA sofrerão pelos próximos quatro anos e depois ele partirá. Mas se ele continuar a ter sucesso em convencer as pessoas por todo o mundo de que está no caminho certo, mesmo que tudo pareça estar caindo aos pedaços, poderá ser uma história diferente.

Se meus cálculos estiverem corretos, os Cristãos Americanos acabaram de votar em nossa última eleição presidencial e não estarão aqui se o Sr. Obama for o Anticristo ou não. Mas alguém com muito mais experiência em predizer com precisão o futuro tem um insight interessante para os próximos poucos anos. Seu nome é Gerald Celente, CEO do Instituto de Pesquisas Trend, e é renomado por todo o mundo por sua precisão em predizer eventos mundiais e econômicos futuros. Ele predisse com precisão O colapso da Bolsa de valores em 1987, a Queda da União Soviética, o colapso da moeda Asiática em 1997, a crise das hipotecas e, um ano antes do fato, predisse o que disse seria conhecido como o Pânico de 2008, dizendo que gigantes cairiam para sua morte, o que nós acabamos de ver na queda de vários de nossas mais antigas e maiores firmas financeiras, e com as três grandes montadoras cambaleando à beira. (você pode verificar por si mesmo seus registros em www.trendsresearch.com)

Celente está agora prevendo uma revolução na América, saques de alimentos e rebeliões fiscais - tudo dentro de quatro anos, acautelando de que colocar comida sobre a mesa será uma preocupação mais importante do que comprar presente de Natal, por volta de 2012.

De acordo com sua recente entrevista na Fox News, chamada "Predizendo o Impacto de Obama" (publicada no YouTube em 10 de Nov. de 2008), por volta de 2012 a América terá se tornado uma nação não desenvolvida. Haverá uma revolução marcada por saques de alimentos, rebeliões de grileiros, revoltas fiscais e marchas por trabalho, e os feriados terão mais a ver com obter alimentos do que com presentes.

"Veremos o fim do Natal comercial.... veremos uma mudança fundamental acontecer... colocar alimento sobre a mesa será mais importante do que colocar presente sob a árvore de Natal," disse Celente, acrescentando que a situação seria "pior do que a grande depressão".

"A América passará por uma transição para a qual ninguém está preparado," disse ele, notando que a recusa das pessoas em reconhecer que a América sequer esteja em uma recessão destaca como a negação é um grande problema quanto a estar prontos para a verdadeira escala da crise.

Tudo isso vem de um homem com reputação internacional de estar certo e cujo contínuo sucesso depende disso. Se ele estiver certo agora como tem estado tão frequentemente no passado, então os próximos quatro anos serão piores do que a Administração Carter jamais foi, ao invez de a plataforma de lançamento para um futuro líder mundial.

(A propósito, note que este é outro especialista independente apontando para o ano 2012 como um ano de significância cataclísmica para provocar o Fim dos Tempos.)

Há um coringa que eu hesito em jogar, pois nem sequer quero pensar sobre ele. Mas se for verdade poderia causar os problemas que o Sr. Celente está predizendo. Por algum tempo certas pessoas, tanto Republicanos quanto Democratas, têm dito que o Sr. Obama não é legalmente qualificado para ser Presidente porque não é um cidadão natural dos EUA. Não entrarei em detalhes, mas o ponto é que ele poderia fazer tudo isso desaparecer apresentando uma certidão de nascimento legítima, algo que ele não têm querido fazer. Uma intimação da Suprema Corte de Justiça lhe deu até 1º de Dezembro de 2008 para fazê-lo, e se ele o fizer, então o voto do Colégio Eleitoral será certificado e ele será o próximo Presidente. Mas processos legais em uns doze estados foram ou estão sendo apresentados para evitar a diplomação até que o Sr. Obama prove que está qualificado. Se os tribunais cancelarem a eleição, quem sabe o que poderá acontecer.

Que Horas São?
Como muitos de vocês sabem, tenho dito que todas as profecias dos Tempos do Fim, inclusive a 2ª Vinda, podem estar cumpridas até 2018. Eu baseio isto na promessa do Senhor de que a geração nascida no tempo do primeiro sinal dos Tempos do Fim ainda estaria viva quando "todas essas coisas acontecerem" (Mat. 24:34). A maioria dos estudiosos vêem o renascimento de Israel em 1948 como o primeiro dos sinais dos Tempos do Fim. Com uma longevidade média de 70 anos, de acordo com Salmos 90:10, tudo terá acontecido por volta de 2018. Se o Arrebatamento precede exatamente a 70ª Semana de Daniel, ele poderia ocorrer 7 anos antes, em 2011, o que nos dá 2 anos e meio a partir de hoje, cerca da metade do primeiro mandato do Sr. Obama, assumindo que a eleição seja confirmada.

Eis então como saber se ele se tornará o Anticristo ou não. Se parecer que ele não pode errar, se o povo se sentir seguro e começara a parecer que haverá paz em nosso tempo, então há uma boa chance de que ele é o tal. Mas as predissões de Gerald Celete acontecerem, e o mundo estiver pior do que nunca, então ele é somente outro Jimmy Carter, um forasteiro sem experiência que não tinha nada a ver com concorrer para presidente para começar, pra não falar em ser eleito.

O tempo dirá, mas de qualquer forma podemos esperar alguns dias difíceis à frente para a Igreja. Pois, de qualquer forma, estamos na fase final da América pós-Cristã e podemos esperar que o mundo ao nosso redor se torne mais e mais anti-Cristão. E se a economia continual a se autodestruir, será ainda pior.

Mas se o Sr. Obama virá a ser o Anticristo ou não não é realmente relevante para a Igreja. Nosso trabalho no pouco tempo que nos resta é estarmos prontos para nos mudarmos para nosso novo lar. Isso significa quebrar nossos laços com o velho lar. Qualquer coisa que não possa ser posta a serviço do reino é excesso de bagagem para nós agora. Deveríamos estar mandando qualquer tesouro que tenhamos à frente. Deveríamos parar de nos preocupar como nossa carreira, nosso fundo de aposentadoria, nosso estilo de vida, e todas essas outras distrações mundanas e colocar todos os nossos recursos para trabalhar em benefício de nossa vda futura. A final de contas essa é a verdadeira. E de uma forma ou de outra, esta aqui já está acabada.

Quer você creia no arrebatamento pré-tribulação ou não, sabe que meu conselho é sólido. Afinal eu não estou inventado tudo isso. Tudo o que tenho dito vem direto da boca do próprio Senhor. Foi Ele quem nos mandou para de acumular tesouros na Terra onde a traça e o ferrugem o destroem e onde os ladrões assaltam e roubam. Foi Ele quem nos disse para acumular tesouros no Céu (Mat. 6:19-20). E foi Ele quem mandou não nos preocuparmos com nossas vidas aqui mas buscar primeiro o Seu Reino e a Sua Justiça e que ele proveria todas as nossas necessidades (Mat. 6:31-34). Então, quer você pense que em breve estaremos partindo ou não, é tempo de prestar atenção ao que Ele nos tem dito. Não importa quanto tempo você ache que temos, você quase pode ouvir os passos do Messias. 15-11-08