Dons Espirituais - Parte 1

A Cada Um Como Quer

Um Estudo Bíblico por Jack Kelley - www.gracethrufaith.com

Qualquer discussão séria sobre os Dons Espirituais é capaz de levar as pessoas ao limite de sua zona de conforto, especialmente se antecedentes diversos estão envolvidos. A que propósito eles servem? São os Dons para os dias de hoje? Existe algum que seja essencial para provar que fomos salvos? Existe alguma diferença entre o Batismo da Salvação e o Batismo com o Espírito Santo? Estas perguntas têm sio feitas desde o começo. Paulo as respondeu claramente em 1 Coríntios 12-14, mas as pessoas ainda se perguntam. Vamos sumarizar essa explicação e então deixar a lingua original nos mostrar uma surpresa ou duas.

Você Me Trouxe um Presente?
A lista de dons no capítulo 12 está envolvida por dois pensamentos que são instrutivos em e por si mesmos. "A manifestação do Espírito é dada a cada um para o que for útil" e Ele os dá a cada um como quer. Está claro o bastante?

O Senhor concede dons a cada crente conforme Ele considere adequado para o bem de todos. Todos recebem dons de alguma forma para fazer sua contribuição única para o corpo. Nós não escolhemos o(s) dom(ns) que recebemos, mas ao recebê-lo(s) devemos usá-lo(s) para o bem de todos.

Existem nove dons listados no capítulo 12. Paulo lista outros sete em Romanos 12 (onde ele também aponta que temos diferentes dons "segundo a graça que nos é dada"), e outros cinco em Efésios 4, novamente insinuando uma distribuição de dons por todo o corpo.

Isso é Grego Para Mim
Quanto ao significado das palavras Gregas utilizadas para descrever os dons, a maioria está livre de controvérsias. A ecessão seria clara também exceto por uma instância. Estou falando da palavra Grega traduzida como "curar" em 1 Coríntios 12.9. Literalmente ela significa "curar ou sarar". Em Hebreus 12.13 essa palavra é utilizada figurativamente em uma analogia comparando o fortalecimento espiritual que advem de suportar dificuldades com a cura física. Alguns tomam essa única instância para negar o uso literal da palavra em cerca de 30 outros lugares em que ela aparece. Isso é uma clara violação das regras de interpretação. Devemos usar passagens claras para elucidar as que são obscuras, não o contrário.

Como Isso Funciona?
Quanto ao operar dos dons em nossos dias, o debate provém de uma aplicação incorreta de 1 Coríntios 13.10. Nesse verso a Segunda Vinda está em vista, quando isto que é imperfeito (nosso entendimento do Seu Plano) será tornado perfeito. O ponto da passagem é que mesmo com nossos dons espirituais não conseguimos entender tudas as coisas. Quando o Senhor vier e tonar tudo claro, a necessidade dos dons cessará, exceto pelo maior de todos os dons, o Amor.

Alguns dizem que a perfeição de que se fala é o completamento da Bíblia, uma visão que não pode ser encontrada antes de 1906, quando o reaparecimento dos dons espirituais no movimento Pentecostal causougrande alarme em alguns círculos e um modo de desacreditar seu uso tinha quer ser encontrado.

Você Foi Batizado?
Quanto a um segundo batismo especial, onde certos dons são conferidos (especialmente linguas), também há um mal entendimento do contexto. Existem duas instâncias em Atos em que um batismo resulta na manifestação de linguas (estou pondo de lado Atos 2 que muitos concordam ter sido um acontecimento único). Em ambos esses outros casos, crentes Gentios receberam pela primeira vez o batismo da salvação. A manifestação de línguas era a prova do Senhor para crentes Judeus de que "o Espírito santo havia sido derramado também sobre os Gentios". Não tinham a inteção de identificar as línguas como prova de salvação ou qualquer outro nível de espiritualidade (Atos 10.44-46).

Três palavras Gregas são usadas para definir o papel do Espírito Santo na vida do crente. Para significa "com" e se aplica a todos antes da ressurreição. Epi significa "vir sobre" e descreve eventos em Atos 2, Atos 10.44 e Atos 19.6, resultando ale em manifestação de línguas. En significa "dentro" e se refere ao resultado de ter ouvido e crido no Evangelho, como em Efésios 1.13-14.

Tomadas em conjunto, todas essas passagens concordam que o Senhor selou o Espírito Santo dentro de você no primeiro momento de fé, determinou qual(is) dom(ns) você necessitaria para fazer sua contribuição única ao corpo, e o investiu de acordo. De tempos em tempos, para Seus próprios propósitos, ele poderá também fazer o Espírito Santo "vir sobre" você para realizar uma designação limitada ou especial.

A Maior Surpresa
A palavra Portuguesa  "outro" aparece  oito  vezes em  1 Coríntios 12.8-10, mas em Grego duas palavras diferentes são usadas. Uma significa "outro do mesmo tipo"  (allos) e a outra significa "outro de um tipo diferente" (heteros).

Usando os significados Gregos literai, os três versos seria escritos assim: "Porque a um pelo Espírito é dada a palavra da sabedoria; e a outro (do mesmo tipo), pelo mesmo Espírito, a palavra da ciência; e a outro (de um tipo diferente daqueles que recebem sabedoria e ciência), pelo mesmo Espírito, a fé; e a outro (do mesmo tipo que a fé), pelo mesmo Espírito, os dons de curar; e a outro (do mesmo tipo que a fé) a operação de maravilhas; e a outro (do mesmo tipo que a fé) a profecia; e a outro (do mesmo tipo que a fé) o dom de discernir os espíritos; e a outro (de um tipo diferente dos anteriores)  a variedade de línguas; e a outro (do mesmo tipo que línguas) a interpretação das línguas".

A forma com que essas palavras são usadas faz parecer que Paulo separou os crentes e seus dons em três grupos. O primeiro grupo recebe sabedoria e conhecimento; o segundo grupo inclui fé, cura, milagres, profecia e discernimento; e o terceiro tem línguas e interpretação.

Observando a igreja, você vê certos grupos enfatizando alguns dons sobre outros. Ao invés de buscar a distribuição completa de dons dentro do grupo, crentes com dons similares formam congregações de pessoas com o mesmo tipo de pensamento. Alguns grupos até mesmo afirmam que você não é um verdadeiro crente a menos que possa manifestar os dons que eles enfatizam, enquanto outros, negando o seu uso, expulsam os membros que manifestam dons.

Talvez em nenhuma área da Graça de Deus você encontrará maiores evidências do envolvimento destrutivo do homem do que na área dos dons espirituais. Compartilharei algumas de minhas próprias experiências na próxima vez.